Vitrines Da Vida

Seu triste orgulho

O copo de uísque esvaziava um após o outro. O som ecoava uma música triste – falando de amor perdido. Lágrimas escorriam face abaixo. Sua vontade era desaparecer. Sua vontade era matá-lo no seu coração sem vergonha. Roberta vivia os dias mais amargurados de sua vida. Sentou-se diante do notebook, acessou seu e-mail e começou escrever, suas sufocadas palavras para seu amado traidor.
“Palavras são como o tempo, não podem mais voltar.
O que falamos podemos até esquecer com o tempo, mas o que escrevemos, isso fica eternamente.
O que fazemos tem um preço; mesmo que o tempo seja a única solução para resolver  tal situação.
Vou precisar de muito tempo para superar tamanha traição.
Vou precisar espantar os fantasmas que rondam os meus pensamentos…
Vou precisar de seu entendimento, sua aceitação nas decisões que forem melhores para ambos.
Tem certas coisas na vida que não tem como mudar, por isso antes de errar a pessoa deve ter consciência das consequências daquela escolha…
E infelizmente você não teve…
Você não soube me valorizar e me encarou como se eu fosse apenas mais alguém, que aceitou uma transa, uma aventura apenas, e nada mais. Não tive o mínimo de valor, fui exposta a situações de riscos, quando pensei que estava sendo respeitada ao menos. A dor sobrepõe o querer, vence todo ato de amor, derrota os sonhos e joga pelo chão todo afeto, vivido nas noites anteriores.
A máscara usada por você foi perfeita e motivo de orgulho para seu intimo que tem isso como privilégio, o ato de enganar, mentir, usar e iludir as pessoas causa-lhe contentamento.
“Nossa! Ela pensa que sou fiel, que a amo. Eu traio mesmo e faço tão perfeito que jamais vai saber”, – mero engano, porque a vida faz a gente conhecer as pessoas olho no olho…
Seu comentário  é pronunciado com orgulho seguido de “Sou bom de cama” “Elas adoram ficar comigo, adoram meu sexo” “Todas querem”, como você mesmo gritou na hora da raiva.
Por este motivo saio deste seu mundo falso, vazio, que faz perder os valores humanos, os princípios morais e toda e qualquer forma de respeito. É lamentável, esta maneira fria de pensar… é desprezível fazer do corpo objeto de prazer, colocar  o corpo na vitrine,  ser desejado para o sexo somente, ser simplesmente usado, nada mais… nada mais…
Mas muitos escolhem essa vida, e admira esse comportamento que os levará as drogas, ao alcoolismo, as orgias, a uma interminável tristeza, vazio, abandono, solidão, desalento, desfalecimento. Como  pessoas iguais a você querem ser respeitadas, se não respeitam a si mesmos?
Você é tudo isso…  é tão triste essa real conclusão.
Tomara que tenha realmente adquirido a vontade de mudar. Esta mudança será com o tempo, não adianta mentir pra si mesmo, porque ninguém muda da noite para o dia. Você vai precisar de tempo, vai precisar pesar seus valores, seus princípios. Vai precisar estar consigo como nunca estivera antes. Vai precisar resgatar o caráter oferecido e ensinado na sua criação pelos seus genitores. Vai precisar se purificar… Para de fato sentir-se limpo.
Tudo isso meu amor, requer tempo…
O mesmo tempo que preciso para tentar poder confiar em você.
Eu não previ que você era tudo isso…
Um dia, quem sabe, poderei sorrindo te abraçar.”
Clicou em enviar.
Levantou-se meio tonta.
Pegou o instrumento, cortou alguns pedaços de gelo, encheu de novo o copo de uísque e ali permaneceu noite toda, afogando suas mágoas… tentando afogar a dor do amor.
O copo de uísque esvaziava um após o outro. O som ecoava uma música triste – falando de amor perdido. Lágrimas escorriam face abaixo. Sua vontade era desaparecer. Sua vontade era matá-lo no seu coração sem vergonha. Roberta vivia os dias mais amargurados de sua vida. Sentou-se diante do notebook, acessou seu e-mail e começou escrever, suas sufocadas palavras para seu amado traidor.
“Palavras são como o tempo, não podem mais voltar.
O que falamos podemos até esquecer com o tempo, mas o que escrevemos, isso fica eternamente.
O que fazemos tem um preço; mesmo que o tempo seja a única solução para resolver  tal situação.
Vou precisar de muito tempo para superar tamanha traição.
Vou precisar espantar os fantasmas que rondam os meus pensamentos…
Vou precisar de seu entendimento, sua aceitação nas decisões que forem melhores para ambos.
Tem certas coisas na vida que não tem como mudar, por isso antes de errar a pessoa deve ter consciência das consequências daquela escolha…
E infelizmente você não teve…
Você não soube me valorizar e me encarou como se eu fosse apenas mais alguém, que aceitou uma transa, uma aventura apenas, e nada mais. Não tive o mínimo de valor, fui exposta a situações de riscos, quando pensei que estava sendo respeitada ao menos. A dor sobrepõe o querer, vence todo ato de amor, derrota os sonhos e joga pelo chão todo afeto, vivido nas noites anteriores.
A máscara usada por você foi perfeita e motivo de orgulho para seu intimo que tem isso como privilégio, o ato de enganar, mentir, usar e iludir as pessoas causa-lhe contentamento.
“Nossa! Ela pensa que sou fiel, que a amo. Eu traio mesmo e faço tão perfeito que jamais vai saber”, – mero engano, porque a vida faz a gente conhecer as pessoas olho no olho…
Seu comentário  é pronunciado com orgulho seguido de “Sou bom de cama” “Elas adoram ficar comigo, adoram meu sexo” “Todas querem”, como você mesmo gritou na hora da raiva.
Por este motivo saio deste seu mundo falso, vazio, que faz perder os valores humanos, os princípios morais e toda e qualquer forma de respeito. É lamentável, esta maneira fria de pensar… é desprezível fazer do corpo objeto de prazer, colocar  o corpo na vitrine,  ser desejado para o sexo somente, ser simplesmente usado, nada mais… nada mais…
Mas muitos escolhem essa vida, e admira esse comportamento que os levará as drogas, ao alcoolismo, as orgias, a uma interminável tristeza, vazio, abandono, solidão, desalento, desfalecimento. Como  pessoas iguais a você querem ser respeitadas, se não respeitam a si mesmos?
Você é tudo isso…  é tão triste essa real conclusão.
Tomara que tenha realmente adquirido a vontade de mudar. Esta mudança será com o tempo, não adianta mentir pra si mesmo, porque ninguém muda da noite para o dia. Você vai precisar de tempo, vai precisar pesar seus valores, seus princípios. Vai precisar estar consigo como nunca estivera antes. Vai precisar resgatar o caráter oferecido e ensinado na sua criação pelos seus genitores. Vai precisar se purificar… Para de fato sentir-se limpo.
Tudo isso meu amor, requer tempo…
O mesmo tempo que preciso para tentar poder confiar em você.
Eu não previ que você era tudo isso…
Um dia, quem sabe, poderei sorrindo te abraçar.”
Clicou em enviar.
Levantou-se meio tonta.
Pegou o instrumento, cortou alguns pedaços de gelo, encheu de novo o copo de uísque e ali permaneceu noite toda, afogando suas mágoas… tentando afogar a dor do amor.
Compartilhar